Tony Carreira está a ser processado pelos seus músicos porque não lhes pagou o que devia. O que é estranho porque só lhes pagava 80 euros por mês.

Viver da música é muito semelhante à prostituição. Há aliás o famoso dizer que acaba em “e mal pago” que se aplica perfeitamente. Será o caso de oito músicos franceses que acusam Tony Carreira de quebra de contrato e reclamam do cantor português o pagamento de uma parte dos lucros da venda do CD e do DVD ‘Tony Carreira – Ao Vivo no Olympia’.

Os factos reportam-se ao ano de 2000, altura em que o espectáculo “musical” foi gravado em Paris.

Ontem teve lugar a segunda – e última – audição das testemunhas (a primeira ocorreu a 5 de Julho), sendo previsível que a sentença venha a ser proferida pelo tribunal no início do próximo ano.

Em 2008, chegaram à Sociedade Portuguesa de Autores acusações de plágio de vários temas do cantor, como ‘Depois de Ti (Mais Nada)’, alegadamente copiada ao mexicano Christian Castro. Na altura, Tony Carreira disse estar “tranquilo”.
E é isto. Rouba, não paga e o Continente ainda anda com ele ao colo. Não esperava isto de ti, Tony.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos relacionados

Digite acima o seu termo de pesquisa e prima Enter para pesquisar. Prima ESC para cancelar.

Voltar ao topo