Rita Ferro Rodrigues, uma das criadores do site Maria Capaz e suposta escritora de “livros”, dirigiu hoje um pedido de trabalho gratuito a designers, ilustradores e artistas gráficos. O candidato escolhido não ganhará um tostão pelo que produzir mas terá direito à exposição na referida plataforma online, que como todos sabemos, costuma chegar para pagar à EDP.

A moda veio para ficar e depois da Cristina andar a lucrar com o pessoal do interior, é agora a vez da ex-colega de Nuno Graciano ganhar uns trocos com a Internet. Como se sabe, ganha-se realmente melhor com o trabalho dos outros, especialmente quando não é pago. Na lei é descrito como trabalho especulativo, mas em Portugal ter muitas visitas significa ter direito a pedir a colaboradores (e sacar umas dezenas de e-mail de candidatos) que colaborem (chama-se mesmo trabalhar) de graça e assim, reter maior parte dos lucros, porque afinal, aparecer na televisão é só para os de sangue-azul (ou filhos de políticos).

Infelizmente, o pessoal da Internet, mesmo os apreciadores da qualidade que se vê pelo Maria Capaz, já se têm manifestado, alguns referindo que lutam activamente pelos direitos laborais. Já a Rita, queria era um Chanel novo e está-se mais a lixar para isso.

E pronto, mais uma pessoa da televisão que te desilude. Pode ser que noutro canal seja diferente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos relacionados

Digite acima o seu termo de pesquisa e prima Enter para pesquisar. Prima ESC para cancelar.

Voltar ao topo