Mais uma Orgia Gay no Vaticano estragada pela Polícia

O jornal italiano Il Fatto Quotidiano revelou que a polícia deteve várias pessoas numa orgia gay que decorria num  apartamento da Congregação para a Doutrina da Fé do Vaticano, que é responsável por abordar o abuso sexual clerical.

Seguindo este belo meio de informação, saberás já que Orgias no Vaticano são bem mais comuns do que se imagina (ver aqui “Orgias no Vaticano: Nem o Marquês de Sade se Lembraria de Tal”).

Desta vez, o escândalo aconteceu no apartamento do secretário do cardeal Francesco Coccopalmerio, um dos principais conselheiros do papa Francisco, de 80 anos. Coccopalmerio faz parte do Conselho Pontifício de Textos Legislativos e teria recomendado o seu secretário ao papa Francisco para várias funções.

Este é o último escândalo que atingiu o Vaticano, depois de o chefe de finanças, Cardeal George Pell, ter sido acusado de vários crimes sexuais.

O Cardeal Pell protestou a favor da sua inocência e disse que estava ansioso para que o dia do julgamento chegasse, após uma investigação de dois anos. A polícia não revelou detalhes das acusações contra o homem de 76 anos, citando a necessidade de preservar a integridade do processo judicial.

Já em Março, o Vaticano foi atingido com uma onda de acusações e protestos sobre padres que estavam envolvidos em coisas como orgias, prostituição e vídeos pornográficos.

E andei eu estes anos todos na Church of Satan a ver se facturava e afinal, para boas orgias, é do outro lado. Rais parta isto, qu’uma pessoa engana-se sempre.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Share