A maior religião do mundo? O Islamismo

É. Até o fim do século, os praticantes do Islamismo irão superar os cristãos como o maior grupo religioso do planeta. O que só pode ser bom, não é?

Nem comeces, está bem? Por mim acabam-se as religiões que já estamos quase no século XXII. Mas como eu não mando, enquanto isso, o islamismo cresce a um ritmo mais rápido do que outras religiões principalmente por dois factores: taxa de fertilidade (cerca de 3,1 filhos em comparação aos 2,3 das mulheres de outras religiões) e o facto deste grupo religioso ser é “mais recente” que outros.

Em 2010, a média de idade de um crente muçulmano era de 23 anos. Estimam-se 1,6 mil milhões de pessoas como praticantes do Islamismo.

Aliás, o domínio da igreja católica parece estar, efectivamente, em perigo enquanto estes macacos crentes em seres barburdos não se matam todos uns aos outros.

“Fogo, que exagero ó Zangado! Eu tenho religião e não mato pessoas”.

O ATEÍSMO ESTÁ EM… QUEDA?

Tendo em conta que caminhamos, ou estamos se quiseres, numa sociedade baseada nos princípios da ciência seria de esperar um crescimento no ateísmo mas tal não se verifica. Apesar de existirem mais ateus do que nunca, as taxas de natalidade nas sociedades religiosas são muito maiores, gerando na prática mais crentes do que ateus.

E qualquer pessoa que tenha lido um livro de história sabe que a religião só nos tem trazido coisas positivas, não é verdade?

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *