Cientista inventou álcool que não dá ressaca

Álcool que não dá ressaca? É verdade! Nem sequer faz mal ao fígado! Acho que vem aí a invenção mais importante de sempre para a humanidade!

A nova substância, baptizada de alcosynth, é resultado do trabalho do químico David Nutt, ex-consultor do governo do governo britânico para assuntos ligados a drogas.

Segundo Nutt, o alcosynth simula os efeitos positivos do álcool, mas não causa dor de cabeça ou náuseas, por exemplo. Mais! Nem sequer faz mal ao fígado.

O cientista e sua equipa estudaram substâncias cujos efeitos no cérebro se assemelham aos do álcool para produzir a droga que, afirmam, é atóxica.

O cientista diz ter patenteado 90 diferentes compostos usando a substância. Dois deles estão agora a ser testados para uso disseminado, e o académico afirma acreditar que até 2050 o alcosynth terá substituído o álcool convencional. Uma pena, dava-me imenso jeito que fosse mais cedo mas pronto.

OS CÉPTICOS

A indústria do álcool, naturalmente, mostrou cepticismo quanto ao alcosynth.

Em entrevista ao jornal The Independent, o presidente da Associação de Bares do Reino Unido (para onde vou mandar o meu CV ainda hoje), Neil Williams, disse que a nova substância não é necessária, já que existem “outras maneiras de evitar ressaca” como por exemplo, “beber com moderação”.

Também não abona o passado de David Nutt. O cientista ficou famoso em 2009 ao ser demitido do cargo de consultor governamental ao declarar que consumir ecstasy era menos perigoso que andar a cavalo. (o que, segundo as estatísticas, é verdade)

De qualquer forma seria um avanço magnífico e iria poupar milhões e milhões na saúde. E a mim, dezenas de euros em Gurosan.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Share