Carros pretos são agora proibidos no Turcomenistão

Pouco depois da polémica medida de proibir carros velhos nas ruas onde moram deputados, chegam-nos agora notícias de um país que eu sinceramente não fazia ideia que existisse. A notícia foi avançada pelo ‘Crónicas do Turcomenistão’, um site de oposição ao regime turcomeno de Gurbanguly Berdimuhammedow. Revelam que há carros pretos impedidos de sair das alfândegas do país e que os centros de inspecções periódicas de viaturas, principalmente na região da capital, estão a recusar inspeccionar carros pretos.

Não se trata uma proibição oficial, mas de uma tendência geral para agradar aos caprichos presidente. Em Setembro, Berdimuhammedow mandou trocar os carros pretos que normalmente usava por outros totalmente brancos. Obrigou ainda 160 membros do Governo e altos quadros de institutos públicos a trocarem também os seus carros pretos por outros brancos.

O ódio ao preto, por parte dos Turcomenezes (?), não se fica por aqui já que isto acaba por estar em linha com as cores da capital, Asgabate, onde a reconstrução e expansão mais recentes implicaram o gasto de milhares de milhões de euros, principalmente no mármore branco que reveste os edifícios. É agora conhecida como white marble city (cidade de mármore branco). Um paraíso para passar as Férias, disse o LaFéria.

O presidente do Turquemenistão com os Obamas. Deixo as piadas racistas contigo.
O presidente do Turquemenistão com os Obamas. Deixo as piadas racistas contigo.
Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Share